Cornetada Vitoriana nº 84: Não ganhamos do Foguinho. Vamos empatar com quem?

Com três dias de atraso, eis o que tenho a dizer sobre a semifinal da Guanabara, que perdemos para a cachorrada feiona do Chorafogo. Incrível como o Flamengo é muito, mas muito melhor que o Botachoro. O time fez, na minha opinião e na do Andrade, a melhor partida do ano. Pena que as milhares de chances criadas não redundaram em gols. E que as duas ou três vezes em que alguém de camisa feia penetrou a área do Bruno The Wall a bola entrou. Como diz o filósofo desempregado Muricy Ramalho, o futebol cobra, mano. Bom pra repensarem nossa cantada e versada superioridade sobre os demais coadjuvantes do futebol nacional. Não basta ter melhor time, tem que ter vontade de ganhar. Oba-oba não rima com Flamengo.

Acho que o Andrade mandou bem e mal no mesmo jogo. Bem na escalação. Mal na substituição. O Pet tinha que entrar, mas não no lugar do melhor jogador em campo, o Menino Pacheco, tendo o Kleberson sem fazer nada. Além disto, nosso treinador não conseguiu enxergar o jogo. O Léo Moura foi anulado pelo bom Marcelo Cordeiro, tanto em termos ofensivos, como defensivos. Melhor ter colocado o Everton Silva no lugar.

Lançaram o novo Manto Sagrado. Além das duas cores mais lindas do mundo, tem laranja e azul. É uma forma de tentar enfeiar a camisa mais bonita do futebol mundial. Se liga, diretoria!

Flamengo até morrer!

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: