Cornetada Vitoriana nº 163: Big

Carne assada argentina

Geral pode falar o que quiser, mas a pelada vista em La Fortaleza, na Argentina, ontem, foi mais dura pro adversário que para o Flamengo. Confesso que super-hiper-ultraestimei a Fiorentina porteña, já que achei que o jogo seria mais duro. No entanto, pelo que vi, bastava Papai Joel ter feito o dever de casa e assistido a um ou dois jogos do La Anús, verdadeira carne assada, conhecido seus próprios jogadores e escalado um time um pouco mais ofensivo pra termos metido uma goleada na beira do Prata. As cólicas já começaram na escalação e, como se não pudesse piorar, nas explicações do Professor para a decisão de sair jogando com o Ayrton e não com o Botina: “Tanto faz, foi o Ayrton, como podia ter sido o Botinelli”. Ah, colé! Bem, o fato é que, com 4 volantes e contra um time ruim de doer, fazer 1 a 0 a la Barcelona até que foi lucro. Nego não tá ligado, mas o gol começou com o Léo Moicano, lá na defesa, a bola foi passada umas 20 vezes, de pé em pé, até chegar no fraquíssimo Júnior César perdido lá na inóspita (pra ele) linha de fundo, que cruzou para o arremate de nosso grande lateral direito. Um gol tão improvável quanto comemorado, já que a parada tava dura.

Acho que faltou ao Flamengo de ontem vontade de ganhar o jogo. A duas peças principalmente: à musa Ronaldinho e ao mestre Joel. O primeiro não me parece mais nem sombra do que foi até a draga dos 10 jogos sem vitória que nos limou da luta pelo hepta no ano passado, o que também já não era nada se comparado com ele mesmo no Barcelona. Já o segundo merece e precisa entender que o Flamengo não é nenhum Bafana-Bafana, Botafogo ou Bahia. O time é grande demais pra jogar pequeno. O discurso deve ser mais alinhado com a prática. Se declara que vai pra cima, que o hino diz vencer, vencer, vencer e blablablá, vai em campo e joga pra vencer. Bom, não preciso ficar lembrando isso aqui. Ah, nem vou mais falar sobre esse assunto. Pelo visto, em outros posts essa porcaria vai ser mais presente ainda.

Não poderia deixar passar em branco uma situação aqui: por que o Vice jogou com a camisa do Olaria ontem contra o Volta Redonda?

É isso, sábado, 16h20, dentro da grade de programação da Rede Globo de Televisão, pegamos o Resende por uma vaga nas finais da TG. É pra cima, com time aguerrido, e a diva do cabelo esticado ligada no jogo. E Papai Joel, por favor, mais Flamengo e menos retranca.

Flamengo até morrer!

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: