Daily Archives: 4 junho, 2017

Cornetada Vitoriana 201: De volta!

20150107181351-estamos-de-voltaSem muito alarde, vamos retomar aos poucos os trabalhos do blog e da Cornetada Vitoriana, após quais 3 anos de ostracismo. E nada melhor que uma baranga de fé como o Chorafogo pra inspirar este escrevedor. Olha, tudo bem que se trata desses buxas, mas não é que os caras não são tão ruins como a tradição exige? Parabéns, mandaram muito bem na arte de estacionar ônibus à frente da zaga. E este ônibus está no plural. Devia ser uns 5! Que retraca do inferno, rapaiz! Fogão jogou como Foguinho, numa defensiva de dar dó.

Mas isso aqui não é espaço para falar de times menores. Vamos ao que interessa, essas 8 letras que nos dão tanto gosto, a força do universo que move 40 milhões de pessoas mundo afora e causa medinho na rafameia mal-vestida e ingrata: FLAMENGO! Lamentável o primeiro tempo, hein? Será que não dá, é proibido a mulambada jogar 90 minutos de jogo em bom nível? Reeditando um comentário aqui feito no século passado, apesar do humilde bloguinho ter iniciado seus trabalhos neste, se futebol fosse jogado na metade do tempo, seríamos uma espécie de PSG Realcelonatus de Munich Júniors. Como consegue compactar atuações ótimas, como a que passou a acontecer com a entrada do homão da porra toda Diego Ribas, com a do primeiro tempo, pífio, sem comentários e pífio de novo? Ah, qual é?

Bom, duas letras sobre o professor: não sei o que dizer sobre o bicho ainda. Me parece sério, bom no que faz, mas… Como disse, não sei. Pessoalmente, no entanto, gosto, o que já é bom. A ver…

E o menino dos 45 milhões de picanhas, Vinícius Jr.? Nus! Realmente, o carinha é diferente, mesmo. Mas o melhor de tudo é ver um sujeito, na glória dos seus sweet sixteen, jogar no meio da presepada arcoirista dando show! E quase marcando gol de gente grande! Nota 9,9 pro mulambinho porque estragou a tinta da trave com aquela manobra!

Bão, vou terminar minha latinha incrível de cerveja holandesa aqui finalizando com um pitaco sobre os menos queridos. Arão, se liga, velho! Vai sair do time assim. Devia sair ao menos. O Vaz, tomara, já dançou, o que nos fez passar menos raiva no certame de hoje. Massaraújo, mito, realmente, é dureza também. Gosto do cara, mas não pode ser titular incontestável, nem errar passes de 2 palmos. Junte-se um pouco de Damião, e vamos empatar com time pequeno pra sempre!

Flamengo 0X0 Botafogo, Brasileirão 2017, Round 4.

Flamengo até morrer!