Tag Archives: Cariocão 2011

cornetada vitoriana nº 137: os três patetas e o vicecampeonatismo

O bonde passou o rodo geral nos 3 patetas do Cariocão 2011

Então, o Flamengo é campeão carioca de futebol. Simples assim, sem alarde, porque essa era a previsão de começo de ano mais baba de todos os tempos. Invicto, porque, no Rio, não tem ninguém pra fazer frente ao futebol pragmático e cumpridor do Flamengo Doutrinador Catequético do futebol mundial. Acabamos, ainda, com vários mitos. Um deles: o Foguinho é inho mesmo, não adianta querer cantar de galo em cima da gente e nem de ninguém. O Flor, agremiação estranha para os padrões do futebol vigente, não é, e nem nunca será melhor que a gente, e ganhou a disputa inglória dos outros dois patetas, se tornando o vice de um campeonato no qual sequer chegou à final de nenhum dos turnos. E o Vascão Segunda Divisão, outrora levando ao extremo o codinome de Vice de novo ou de Vice pra sempre, nem isso conseguiu, amargando um indigesto sexto lugar. Além disso, a tão propagada história de que os molambos envergadores da camisa mais feia do futebol mundial são o time da virada mostrou-se tão inverídica quanto o seu bom futebol. Time da virada my ass. Tomaram uma virada linda ontem, ou alguém se esquece de que eles começaram ganhando nos pênaltis e acabaram como acabaram?

Claro que não podemos deixar de lembrar do atropelamento rubro-negro na quarta-feira, contra o brioso Horizonte do Ceará. Em nosso compromisso mais complicado nos útlimos 8 dias, desmistificamos mais uma vez o feito de que a C do B dá oportunidades para os pequenos do país. Não contra a gente.

É isso aí, foco, agora, nesse campeonatozinho mais complicado. Quinta-feira tem Ceará, no Vazião. Uma vitória catedrática se faz necessária, já que, apesar de tudo, nosso time não é lá a Coca-Cola mais gelada do deserto. Ganhar o carioqueta a gente faz até com time de juniores. Na C do B e no Brasileirão, o buraco é mais embaixo.

Flamengo até morrer!

Anúncios

scout: 2011 – jogo 23

Vasco 0X0 Flamengo
1/5/11
Taça Rio
Gols:
No ano: 15V, 8E, 0D; 76,8%; 40 gols pró, 14 gols contra
Thiago Neves – 7
Deivid – 6
Wanderley – 6
Ronaldinho – 5
Renato Abreu – 4
Diego Maurício – 2
Guilherme Negueba – 2
David Braz – 1
Hamilton (Duque de Caxias) – 1
Jean – 1
Léo Moura – 1
Rafael Camacho – 1
Ronaldo Angelim – 1
Vander – 1
Willians – 1

cariocão 2011: vasco x flamengo – 1/5/11

Tem Flamengo X Vasco. Vale final de turno. Vale campeonato. O Vasco é vice há anos. Não ganha uma final de campeonato do Flamengo desde 1988, há 23 anos. E não é por falta de oportunidade, não. Houveram várias finais entre os dois, é que o Vasco não ganha mesmo do Flamengo. Por isso o chamamos carinhosamente de Vice da Gama, e por isso eles são nossa baranga preferida. Com esses subsídios, dá pra esperar algo diferente de vitória do Mengão? 2 a 1, e o campeonato pra gente, invicto. Pra comemorar os meus 4.0.

Flamengo até morrer!

cornetada vitoriana nº 136: tudo normal

A Mão classifica a gente de novo. Valeu, Felipe!

Nada mais normal para um domingão de Páscoa que o Flamengo passar o rodo geral nos minguadinhos adversários conterrâneos. Como diz minha irmã, ah, para! Alguém com a consciência moral em uma escala acima do plancton tinha alguma dúvida de que atropelaríamos o Flor hoje? Confesso que, dada a nossa semana complicada e ao êxtase provocado nas tricoletas pela suada e milagrosa classificação na Liberta, o que só veio a postergar um pouco o mico florminensista na competição sulamericana, achei que a vaca ia pro brejo hoje. Mas foi o tempo de um cigarro somente pra voltar à realidade e lembrar que a tendência do caos é chegar à normalidade. Porque não há nada mais normal que o trunfo rubro-negro sobre a rafaméia das pequenas agremiações que formam os demais adversários da freguesia carioca.

Nem o vexatório apito amigo de sempre, com direito a pênalti não marcado e gol em franco, claro, limpo e óbvio impedimento conseguiram tirar do Flamengo o que é seu por direito: vaga na final de qualquer torneio que dispute. E, ironia das ironias, a vitória veio nos pênaltis. Engraçado era ter a impressão de que o ridículo Num-Sei-Quê Vassols, árbitro da contenda dominical que conseguiu a proeza de pertencer e despertencer ao quadro da Fifa, poderia não ter marcado a sequência de pênaltis que nos consagrou contra finalistas da TR. Ia ser curioso…

É isso, mais uma classificação catequética e doutrinadora, deste time que pode nem ser o melhor guaraná do deserto, mas é, sim, invencível.

Quarta tem Horizonte pela C do B. Bom, pequeno por pequeno, já destruímos um hoje, vamos destruir uma na quarta e outro no domingo. Esse último atende pelo nome de Vice da Gama. Precisa falar alguma coisa?

Flamengo até morrer!

scout: 2011 – jogo 21

Fluminense 1X1 Flamengo
24/4/11
Taça Rio
Gol: Thiago Neves, 21′, 2T.
No ano: 14V, 7E, 0D; 77,7%; 37 gols pró, 14 gols contra
Thiago Neves – 7
Wanderley – 6
Deivid – 5
Ronaldinho – 5
Renato Abreu – 4
Diego Maurício – 2
Guilherme Negueba – 2
David Braz – 1
Hamilton (Duque de Caxias) – 1
Jean – 1
Léo Moura – 1
Ronaldo Angelim – 1
Vander – 1

cariocão 2011: fluminense x flamengo – 24/4/11

Pra estrear o novo layout do site, é Flamengo na cabeça. Olha, o matemático Infeliz Garcia disse que o Flor tem 12% de chances de ser campeão carioca. Ou seja, jogo duro amanhã. Não vamos perder pra essa rafaméia desorientada acostumada a ressurgir das cinzas e correr atrás de não rebaixamentos e classificações improváveis. Mas eles são os favoritos amanhã. Portanto, dá Flamengo, por 2 a 1. Mas empate com pênaltis e classificação também é bom.

Flamengo até morrer!

cornetada vitoriana nº 135: Duro é ser o segundo contra tanto time pequeno…

Pra acabar logo com isso, já que eu tenho a obrigação de falar sobre essa rodada, fica claro que queremos pegar o Flor logo. Nada de Olaria, queremos o maior dos menores. Perdemos o pênalti, mandrake, é bom que se diga, porque não temos vocação pra chorafogo, queremos destruir time melhorzinho é logo na semi, de cara.

Bom, é isso, cansei e vou vazar. Fim de semana tem Fla X Flu, bão também. Mas tem Horizonte na quarta, jogo muito mais complicado.

Flamengo até morrer!

scout: 2011 – jogo 19

Flamengo 1X1 Macaé
17/4/11
Taça Rio
Gols: Jean, 11′, 2T.
No ano: 14V, 5E, 0D; 84%; 35 gols pró, 12 gols contra
Thiago Neves – 6
Deivid – 5
Ronaldinho – 5
Wanderley – 5
Renato Abreu – 4
Diego Maurício – 2
Guilherme Negueba – 2
David Braz – 1
Hamilton (Duque de Caxias) – 1
Jean – 1
Léo Moura – 1
Ronaldo Angelim – 1
Vander – 1

cariocão 2011: Flamengo X Macaé – 17/4/11

Vamos fechar a classificação invictos, com uma goleada necessária e doutrinadora. 4 a 0 no Macaé. E não duvide da liderança flamenga, já que os buxas dos concorrentes adoram entregar no final.

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 134: TN7 e mais uma palmada no derriere da cachorrada…

TN7 dá números a mais uma tunda na cachorrada

Como diriam os antigos de antigamente, outrora época em que se dizia o que se devia dizer, mas com educação e palavras bacanas, Thiago Neves está jogando o fino. Não que esteja esculachando como irá fazer muito em breve, já que qualquer mula manca pode trucidar a cachorrada chorafoguense com três patas amarradas. Mas, acho, ele é o único jogador do elenco que vem num crescendo exponencial. Canelada e R10 também vêm, mas em progressão aritmética. Nosso TN7 não, vem mandando muito bem jogo após jogo e desequilibrou ontem. Renatão mandou muito também, Ronaldo deu pro gasto, mas mostrou uma qualidade cada vez maior. Agora, segurar a onda e fazer o time chegar com qualidade na frente quem fez foi nossa contestada e psedo-problemática zaga. David Braz, Whelinton, Maldonado e Willians Ninja jogaram bagarai ontem. Tiraram todas que vieram, jogaram sério como se fosse final e como se o adversário fosse descente e acabaram com a única jogada botafoguensista que existe, o centro na área para o grandalhão boneco de posto gaúcho do sul Loco Abreu. Falando nele, que sujeito chato, mais chato que bater em mãe. O cara apita o jogo inteiro e não para de reclamar dos colegas. Se bem que tem que ter muito sangue de barata pra não reclamar das malas de seus coleguinhas de time.

Bom, o fato é que o Mengão mostrou uma qualidade defensiva e uma consistência alvissareiras. Pode até estar demorando pra achar o time ideal e mostrar bom futebol o jogo todo, mas os momentos de lucidez são cada vez maiores. Ontem, ganhamos do Foguinho com um pé nas costas, parecia que nego sabia que era só uma questão de tempo pra liquidar o jogo. Precisamos ainda de um homem de área, de um lateral esquerdo e, ou de um zagueiro-referência, ou de um xerifão a la Christian ou Airton.

Bom, estamos a 270 minutos e, no mínimo, 2 empates da conquista do Cariocão 2011. E já antecipo o que a magnética quer ouvir: atropelamos Flor na semi e Vice na final da TG. Isso se esses pela-sacos fizerem a deles e se classificarem… E fazemos uma intertemporada em Atibaia pra azeitar a máquina do Bonde Sem Freio pro Brasileirão que se avizinha. Como diz um amigo RN de boa cepa, o Brunão, com lateral esquedo, zagueiro e atacante dos bãos, vamos pra cima de qualquer um na conquista do hepta.

Flamengo até morrer!