Category Archives: Cariocão 2009

Cariocão 2010: Volta Redonda X Flamengo – 20/1/10

Contra o Volta Redonda, em Volta Redonda. Alguns titulares devem voltar. Nada de Vágner Love. Nada de Adriano. Mas dá Mengão, 2 a 1.

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 38: o Rio é nosso!

flamengo-penta-tri

Não foi fácil. Aliás, foi difícil pra caramba. O Botafogo valorizou, e muito, a nossa conquista. Mas o que os deuses do futebol vociferaram aconteceu. O Mengão ganhou mais uma, mostrou que futebol se ganha no campo, provou que é possível, sim, jogar bem com o elenco que tem e calou a boca de muito corneteiro pro aí. Parabéns ao vicefogo, pela garra e por ter vendido caro o nosso Pentatri. Mas parabéns mais ainda pro Flamengo, sua torcida fenomenal, pros jogadores e, principalmente, pro Bruno, futuro goleiro da Selecinha.

Bom, as boas notícias não param: é Imperador, é novo patrocinador, são novas contratações.

Em compensação, vamos sofrer um bocado na tal janela de transferências do meio do ano. Mais ainda que com a do ano passado. O Ibson tem que ficar!

Como poucos jogadores de fora da Gávea, o capita Fábio Luciano honrou o Manto, menos por seu futebol, que ainda assim é enorme, mais pelo amor ao Clube, pela liderança junto aos jogadores e pela consciência tática pouco comum em jogadores flamengos. Parabéns, Capitão, vai fazer falta.

Será que o Kleberson está queimando minha língua? Será que o cara tá querendo começar a jogar pelo Fla?

Que cenas bizarras as da festa de comemoração do título do Corinthians no Pacaembú, hein! Que papelão!

Flamengo até morrer!

Scout: ano 2009 – jogo 23

Flamengo 2 X 2 Botafogo
03/5/09
Final – Campeonato Carioca
Gols: Kleberson, 20′ e 38′, 1ºT.
No ano:
14V, 7E, 2D; 71%; 55 gols pró, 22 gols contra
Gols:
Josiel – 11
Juan – 6
Zé Roberto – 5
Kleberson – 4
Léo Moura – 3
Emerson – 2
Everton – 2
Marcelinho Paraíba – 2
Willians – 2
Bruno – 1
Douglas – 1
Fabio Luciano – 1
Ibson – 1
Jonatas – 1
Maxi – 1
Ronaldo Angelim – 1
Emerson (Botafogo) – 1

Cornetada Vitoriana nº 37: domingo é dia de Mengão!

Trata-se de uma CV meio burocrática, já que estou com preguiça de pensar, quanto mais de escrever. Mas Mengão é Mengão, e o prazer que ele proporciona atropela qualquer outra vontade. Vamos ao jogo contra o Fortaleza. De tão fraco, deveria se chamar Fraqueza. Mas isso não é problema nosso. Nossos heróis tiveram a capacidade de perder 26 chances de gol, 16 delas claras. Contei nos melhores momentos do Sportv. Foi uma surra de chances desperdiçadas quase tão grande quanto a que demos no Florminense pela semifinal da Taça Rio. Os caras só podem estar treinando com uma bola diferente, de chumbo. Se fosse função do goleiro adversário ir pegar as bolas que passaram por cima de seu travessão, o pobre iria precisar de um balão de oxigênio. Ou dois. Problema dos gandulas.

O já citado Efeito Eric Faria (cabendo aqui uma corruptela que pode ser entendida como Efeito Victorino Chermont) fez das suas de novo. É um tal de lembrar a todo momento que os atacantes não fazem gol há não-sei-quantos minutos, que o Obina não marcou no ano ainda, que o Josiel voltou à má fase! Pô, deixa os caras em paz, falta qualidade sem pressão, imagina com. Agora, vamos ter que correr e suar um pouco lá no Sei-que-lá-zão, na capital cearense do Ceará pra sair de lá com a classificação. E vem aí o primeiro grande clássico do futebol brasileiro na temporada: Flamengo X Internacional. Daí, sai o virtual campeão da CdoB, já que a outra perna é muito fraquinha, com Vasco, Flor, Corinthia e Goiás. Ou seja, o caminho pra Liberta 2010 está curto e fácil.

adriano_flamengoParece que o Imperador Adriano está na Gávea, de uma vez por todas. Depois do show de flamenguidade demonstrado nas declarações de que “a vontade de jogar no Flamengo é absurda” e de que “só volto a jogar futebol se for no Flamengo”, só falta o cara acertar a cabecinha para o resto. Se a cabeça for flamenga como é o coração, formou!

Falando nisso, por incrível que pareça, a diretoria está fazendo um trabalho decente a respeito do assunto. Tanto da contratação do Adriano, quanto do novo patrocínio. Fala-se em Nestlé e Esso. São só as duas maiores empresas do mundo no que fazem. Fraco o Mengão, hein!?

Estão dando uma dimensão desproporcional ao caso Juan/palhaçadinha/Maicosuel. Fala-se até em um julgamento antecipado para tirá-lo do jogo de domingo. Chorafoquinhos, entendam uma coisa: o Flamengo será tri em cima de vocês mesmo que entrasse em campo com o time de musas do Brasileirão!

O Corinthia mostrou toda a sua força e toda a sua fraqueza ontem. Vai ser assim até o fim do ano. Ou seja, nada!

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 36: o Penta-Tri tá chegando!

Que joguinho muquirana o de ontem. Botafogo e Flamengo fizeram um jogo digno de uma final. Mas não do Carioca. Seu Cuca mandou mal de novo na escalação e na distribuição dos caras em campo. E isso fez com que sentíssemos falta do… Aírton. Sem ele e com um zagueiro-zagueiro no lugar, sobrou pro incansável Willians o apoio da defesa ao ataque. Com isso, quem iria marcar o bom Maicossuel? Melhor pra gente que conseguimos um empatezinho mandrake, com outro golaço contra do nosso melhor artilheiro chorafoguense, o Emerson.

Quem foi que disse que ser Pentra-Tri seria fácil?

O babado da vinda do Adriano Imperador é forte. Que venha o futebol e que fiquem pra trás os problemas pessoais.

Não vou falar do Ronaldo hoje. O terceiro gol contra o Santos diz tudo. Coringão campeão paulista fácil, fácil.

E esse patrocínio que não sai, hein, diretoria? Enquanto isso, tome dívidas e salário atrasado.

Flamengo até morrer!

Scout: ano 2009 – jogo 21

Botafogo 2 X 2 Flamengo
26/4/09
Final – Campeonato Carioca
Gol: Juan, 20′, 1ºT;  Willians 39′, 2ºT
No ano:
14V, 5E, 2D; 75%; 53 gols pró, 20 gols contra
Gols:
Josiel – 11
Juan – 6
Zé Roberto – 5
Léo Moura – 3
Emerson – 2
Everton – 2
Kleberson – 2
Marcelinho Paraíba – 2
Willians – 2
Bruno – 1
Douglas – 1
Fabio Luciano – 1
Ibson – 1
Jonatas – 1
Maxi – 1
Ronaldo Angelim – 1
Emerson (Botafogo) – 1

Cornetada Vitoriana nº 35: deixaram o Mengão chegar!

flamengo-x-botafogoAtrasado, mas cumpridor. Bom, na verdade, sem muito assunto. Ganhamos fácil do Chorafogo em jogo ruim, mas massacrante pro pequeno bicolor. Teve um momento em que tínhamos acertado mais de 120 passes com 60% de posse de bola, contra menos de 40 e 40% respectivamente pra cachorrada. E ainda tem gente que acha que o jogo foi equilibrado…  O fato é que estamos em mais uma final, pelo Penta-Tri e pela hegemonia do futebol carioca. Demorou, desde sempre devia ter sido assim.

Não é engraçado como tem uns cretinos no futebol que adoram motivar os adversários? Na semana passada foi o pobre presidente do Flor. Desta vez, o tal de Victor Simões, que disse que o Americano, algoz chorafoguense da quinta passada, era mais difícil que o Fla. Foi mesmo.

A barca está prestes a sair. Ibson já fala em tom de despedida, Léo Moura tem propostas, Bruno e Juan devem ir também. Nosso ano está completamente ameaçado…

E o Ronaldo, hein? Meu consolo é saber que no Flamengo seria bem diferente.

Flamengo até morrer!

Scout: ano 2009 – jogo 20

Flamengo 1 X 0 Botafogo
19/4/09
Taça Rio – Final – Campeonato Carioca
Gol: Emerson (contra) 17′, 2ºT
No ano:
14V, 4E, 2D; 76%; 51 gols pró, 18 gols contra
Gols:
Josiel – 11
Juan – 5
Zé Roberto – 5
Léo Moura – 3
Emerson – 2
Everton – 2
Kleberson – 2
Marcelinho Paraíba – 2
Bruno – 1
Douglas – 1
Fabio Luciano – 1
Ibson – 1
Jonatas – 1
Maxi – 1
Ronaldo Angelim – 1
Willians – 1
Emerson (Botafogo) – 1

cornetada vitoriana nº 34: goleada de 1 a 0

juan-flaxflu1Foram mais de um milhão de gols perdidos. Por isso o título do post. O Flamengo foi mais Flamengo que nunca e mostrou que futebol se ganha no campo, Sr. Presidente do FluminenC. O time jogou de forma justa, marcou o que podia, e perdeu os gols que não podia. Consegui um incidente diplomático com meus vizinhos, por causa dos gritos, além de enriquecer meu cardiologista em uma ou duas consultas a mais. A arco-íris teima em não entender o orgulho de ser Rubro-Negro. Mas hoje nem precisava ser Flamengo pra saber… Que venha o Foguinho, em um ou três jogos…

O Juan joga bola demais. O Ibson, mais ainda. E, provavelmente, vamos perder os dois para o ano… Deus, por favor, nos ajude!

Vamos ao jogo! Que jogo! Fla-Flu é demais, é muito pra cabeça! Não há discussão quanto a qual é o clássico mais clássico do mundo. Isso só serve pra neguinho confirmar o óbvio. E quantos mil gols perdidos pelo Mengão, de todos os jeitos, de todas as cores, de todos os sabores. E como pode um técnico que nunca ganhou nada no futebol dar o famoso nó tático num tetra-campeão mundial? Foi o tipo do jogo em que as duas torcidas têm a obrigação de sairem felizes: a do Fla pela vitória e pela apresentação, a do Flor por não ter tomado um goleada sem precedentes.

Quem disse que 4 volantes não ganha jogo e não torna o time ofensivo? Faltaram os gols, mas nossos 25 marcadores mandaram bem demais, na melhor partida flamenga do ano. Pareceu o Fla do Papai Joel…

FH, o frangueiro trirrebaixado, inventou uma nova modalidade de presente: o frango de Páscoa.

E o tal Horcades, hein? Mais uma vez, coberto de razão, viu o Mengão tremer frente ao Flor. Só isso explica as tantas chances de gol que o Flamengo criou e não fez no jogo de ontem…

Falando nisso, depois do Fla-Flu da Lagoa, do Fla-Flu do gol de barriga, eis o Fla-Flu dos gols perdidos.

“Parreira, Parreira, Parreira, seu time é de terceira”. É o melhor grito de torcida desde o “Oh, oh, vice pra sempre”.

O Fla do irmão do Cuca é melhor que o do Cuca.

Ganhamos do Remo e eliminamos a partida de volta pela CdoB. Mas isso era tão óbvio que nem merece comentário…

Flamengo até morrer!

SCOUT: ano 2009 – jogo 19

Flamengo 1 X 0 Fluminense
12/4/09
Taça Rio – Semifinal – Campeonato Carioca
Gol: Juan 31′, 1ºT
No ano:
13V, 4E, 2D; 75%; 50 gols pró, 18 gols contra
Gols:
Josiel – 11
Juan – 5
Zé Roberto – 5
Léo Moura – 3
Emerson – 2
Everton – 2
Kleberson – 2
Marcelinho Paraíba – 2
Bruno – 1
Douglas – 1
Fabio Luciano – 1
Ibson – 1
Jonatas – 1
Maxi – 1
Ronaldo Angelim – 1
Willians – 1