Category Archives: Selecinha

Cornetada Vitoriana nº 87: Abaixo a dungalização do Andrade!

Confesso que temi pelo pior em relação à promissora carreira do nosso promissor Andrade, o Tromba. Em como dominar a situação, falar a língua da mulambada, tirar o melhor de cada jogador e manter o Flamengo Flamengo, não temos nenhuma dúvida de que ele é bom. No entanto, juro que temia pelo processo de burocratização de nosso treinador campeão. Os jogos do Flamengo tinham-se tornado muito previsíveis, sendo superados em previsibilidade pelas escalações óbvias e pelas alterações café-com-leite de nosso comandante. Contra o Resende, acho que meus temores se dissolveram. Pela primeira vez, vimos o Menino Pacheco e o Pet em campo juntos, o que foi ótimo. O Andrade colocou outro meia no lugar de um cabeça de área, o Toró, que até fez bem feito enquanto ficou em campo. E ainda colocou um lateral no meio-campo. Achava, até então, que o cara era do tipo que pensa que zagueiro só substitui zagueiro, meia entra no lugar de meia e atacante só sai pra dar lugar a outro atacante, como certos treinadores de certas seleções brasileiras. Resultado: nó nas tripas dos pequenos resendenses e goleada convincente com boa apresentação.

Juan tá voltando? Não, não me refiro ao zagueiro da Selecinha, mas ao nosso bravo marrentinho lateral esquerdo. Jogou pacas no sábado, e tem dado várias assistências para gols. O Léo já está mostrando serviço a muito tempo. Flamengo com os laterais jogando bem, mais o Império do Amor é igual à invencibilidade na América. Resposta à pergunta inicial: sim!

O Bruno The Wall saiu em defesa do Adriano e asseclas no embróglio do suposto baile funk na semana passada, exigindo respeito. Vi uma crítica do Sr. Álvaro Oliveira Filho (Globo/CBN) dando conta de que, pra exigir respeito, tem que se dar ao respeito. Natural. Nada natural foram os exemplos dados pelos comentador. Lembro do episódio envolvendo o então auxiliar técnico Andrade e o recém-chegado goleiro. Ora, meu filho, o cara não sabia onde estava, e nem com quem estava lidando, ao desrespeitá-lo. Será que alguém que pensa iria mesmo achar que o goleiro titular há 3 anos e capitão de uma equipe qualquer não respeita seu chefe e continua em campo? Outro fato citado foi relativo às (será?) brigas entre os jogadores do Flamengo, tornando o ambiente de desunião e discórdia. Ora, o Flamengo é o maior clube do mundo, o que mais vende notícia, e até um zelador gripado vira manchete. E, infelizmente, não sabemos lidar com blindagens e factóides inventados ou mesmo verdadeiros divulgados pela imprensa. O que quero dizer é que todo time tem 25, 30 jogadores, e é impossível não haver arranca-rabo e tititi entre esses caras. Ocorre que, no Flamengo, essas coisas vazam e tomam uma proporção gigante. A melhor prova de que o ambiente é bom se vê nas comemorações dos (milhares de) gols que fazemos, ocasião em que 6, 7, 8 jogadores, mais alguns reservas, se abraçam e se cumprimentam. Ah, chega dessa bobagem…

Ainda sobre as falas do Bruno, o cara disse: “Qual de vocês aí que é casado que nunca brigou com a mulher, que nunca discutiu, que nunca ATÉ saiu na mão com uma mulher?” Isso é textual, foi exatamente isso o que ele disse. É bem diferente dizer que ele acha que é normal se bater em mulher, fazer apologia a isso ou afirmar que o jogador disse que bate em mulher, como se tem sido noticiado. Não tenho procuração pra defendê-lo, mas, a despeito de ele ter ido a público pedir desculpas pelo discurso, o que é mais uma satisfação para fechar o caso que uma assunção de culpa, esse é outro caso clássico de má interpretação, exagero e má fé da imprensa para com o Flamengo e seus atletas.

Mais uma vez atropelamos um pequeno e, graças à incompetência florminensista, assumimos a liderança, que era temporária para o tricoflor e é definitivamente nossa até o fim do turno.

Adriano tá vacilando. Vai ficar de fora da Copa desse jeito…

Saiu a tabela do Brasileirão 2010. O Mengão pega o SP, dia 9 de maio, no Maraca. Primeira vítima.

Flamengo até morrer!

Anúncios

Cornetada Vitoriana nº 48: Flabasquete, o Mengão que dá alegrias

Fla NBBPela primeira vez na história, futebol fica de lado aqui neste espaço. O Flamengo que me deu alegria foi o da bola laranja. Numa fantástica série melhor de cinco, o Mengão conquistou o bicampeonato de basquete brasileiro, e o primeiro título da Liga NBB, a tentativa de moralização e organização do basquetebol nacional. E como conquistou… No 5º jogo, com trapalhada da arbitragem, arena lotada e jogo emocionante. O Mengão foi mais Mengão que nunca e bateu o forte Universo BRB (esse é o nome do time, Brasília é só pra Globo não fazer propaganda), vice de novo, tal como Vasdagama e Putfire. Não entendo muito do riscado e, por isso, não vou me meter a falar do que não sei. Portanto, fica só a homenagem. E a menção ao meu amigão Rodrigo, que se emocionou com um Flamengo diferente do futebol a ponto de pedir que citasse aqui a vitória fantástica do nosso quinteto de Manto Sagrado cavado. Nem precisava pedir, Rodrigo Menino!

Teve FlaXFlu também. E os mesmos males que nos acometem ultimamente: mil chances desperdiçadas, pontos perdidos para time pequeno e chance de chegar nos líderes jogada pela janela. Esse é o Mengão do futebol.

Parece que o Denis Marques é jogador do Fla. Não conheço mas, quem conhece, afirma que não é grande coisa. Pra variar…

Fla e CFZ unidos. É o Zicão chegando geral na política Rubro-Negra. Enquanto há vida, há esperança.

Luxa saiu do Verdão. Olha o trem querendo.

E o Dunga conseguiu ser campeão da Copa das Confederações e endurecer um jogo com os… Estados Unidos.

Aê, diretoria, vamos trabalhar: o Lúcio vai ser dispensado do seu time alemão e nós precisamos de um bom zagueiro.

Continuam faltando 21 vitórias. E tá ficando difícil…

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 47: Chupa que é de uva!

Imperador AdrianoE não é que goleamos o queridinho da imprensa! Os caras estavam mancos, é verdade, mas tomaram uma traulitada pra fazer perder o rumo. E o Mengão, mais uma vez, botou as coisas em sua ordem natural e mostrou que o comum Inter tem somente 7 ou 8 jogadores, o resto é abaixo da média nacional. E, de quebra, ajudou a abalar a estrutura da comissão técnica dos coloridos. Tite cai logo, logo, porque é muito fraco e porque o Muricy tá desempregado.

O que me faz lembrar que, com um matador impiedoso em campo, ganharíamos as duas partidas contra o Inter na CdoB. Lamentável!

Mas vamos falar de Flamengo, que é só o que interessa. O Imperador voltou, e voltou mesmo ontem. Jogou muito, não pelos 3 gols, mas pela movimentação e pelo que fez jogar o Ibson e o Emerson. Falando nisso, bom jogador esse cara, em que pese nos ter matado de raiva no início. Mas quem não matava, né não? E o Juan tá precisando de uma reciclagem, porque está mal demais. Quanto ao restante, as menções de sempre: Toró competente, Willians carrapato total, zaga bem postada. O estreante Fabrício entrou bem, a despeito do ataque inoperante dos gaúchos. E o Pet mostrou companherismo e vontade ontem, bom de se ver, pra graça da torcida que gritou seu nome e pediu sua entrada. O Mengão afastou essa crise-que-crise? de mentira e mostrou que é mesmo o macho dominante do futebol brasileiro.

Com mais dois gols, o Adriano alcança a artilharia do Brasileiro.

Esse Muricy é um palhaço de marca maior mesmo. Numa tentativa frustrada de tirar os holofotes de sua saída melancólica do todo poderoso SP, veio com insinuaçõeszinhas imbecis a respeito do pobre do Cuca. E ainda vem falar em ética no futebol… Incrível como o Flamengo é notícia até na queda de um treinador que nada tem a ver com a gente!

Perdi uma boa chance de ver o Mengão que ganha ser campeão aqui na minha terra. O basquete Rubro-Negro mandou mal ontem e teve que adiar em uma semana a conquista do bi nacional. Mas vai levar, fácil, no fim de semana que vem.

A despeito da falta de sensibilidade de boa parte da torcida e da imprensa, foi muito bacana a atitude de alguns jogadores do Fla no episódio envolvendo a manutenção do Alex Cruz no elenco. Não por mostrar desmando ou despreparo da diretoria em mais uma ocasião, mas por ser uma história legal e que mostra que o elenco não é rachado coisa nenhuma. KL já tratou de desmentir tudo, já que de bobo ele não tem nada. O fato é que o menino fica.

Quando tomamos o sacode do Coxa, as manchetes davam conta de que o Flamengo foi humilhado pelo adversário. Quando chega a nossa vez, é só um “Flamengo joga bem e goleia”. Vai entender…

Esse tal de Robinho é um enganador mesmo…

Faltam 21 vitórias.

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 46: Primeiro miquéias do Brasileiro

Pois é, de um jogo ganho, mesmo antes de ter começado e, principalmente depois, com 2 a 0 antes dos 10 minutos do primeiro tempo, para uma derrota inesperada e revoltante. Isso é Flamengo. Lembrando da deixa do filósofo contemporâneo do futebol, Sr. Muricy Ramalho, o futebol pune. E como pune. Neguinho achou que, ganhando desde antes do jogo começar, poderia passar o pezinho em cima da bola, errar passe de 3 metros, não voltar pra marcar, ou não ter a atenção que uma defesa decente necessita. Resultado? 4 gols em 8 minutos, um absurdo de marca maior. O Angelim falhou em 2 gols, sem falar da falta que fez e que originou um 3º. Já tomou pra si a responsabilidade, em atitude típica de Rubro-Negro de caráter e bom senso. Mas o xerifão goza de prestígio e tá com crédito na casa. O Bruno poderia ter feito mais no 1º e no 4º gols. Não fez, mas também tem crédito. Léo Moura e Juan, depois da Selecinha, lembram eles mesmos antes de aprenderem a jogar bola na Gávea. Seu Cuca armou mal o time e não conseguiu dar a chacoalhada esperada no intervalo e/ou na beira do campo. E o resto deu pro gasto, quando muito. Melhor assim, já que o esperado pra quem joga mal é a derrota. Menos mal que foi a primeira vez neste Campeonato.

Esse jogo serviu pra ligar o palhaçadômetro e colocá-lo no nível 0.

Perdemos para o nosso maior freguês pessoa física de todos os tempos. Se bem que, acho, se o técnico do Sport não fosse o Leão, a tunda seria maior.

Essa semana vai ser tensa. Este fim de semana marca a 6ª participação do Ibson no Brasileiro deste ano. Depois disso, só poderá jogar em time do exterior.

Tamo na final da NBB. Vamos ser bicampeões!

Continuam faltando 22 vitórias.

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 44: A primeira de uma série!

Ibson Santo AndreEm mais uma bela apresentação, o Mengão, enfim, tirou o dedo, fez dois gols e conquistou a primeira vitória no campeonato. Se vierem mais 23, somos campeões. O jogo marcou a bela atuação do Josiel, que não marcava desde março e (mais uma) do Ibson. O Palestino é muito bom de bola e, sem rubro-negradas, em selecinha que tem Elano, Anderson, Josué e Felipe Melo, ele merece não só a convocação, como a titularidade. Diretoria flamenga, pelamordeDeus, operação de guerra pra manter o cara na Gávea. Quanto aos demais jogadores, o Bruno e o Kléberson deram pro gasto, o Angelim foi o Angelim de sempre, o Toró, o Everton e o Aírton foram bem. Agora, o tal do Willians e o Everton Silva jogaram e correram demais. Mandaram muito! Por fim, Obina… Acho que ele decretou sua saída do Fla. Foi um a menos, foi vaiado, foi ridicularizado. Não dá pra ficar mais, tem que ser poupado. Afinal, ninguém merece o que estão fazendo com o cara. Ele é folclórico, não exatamente decisivo. Não se pode esperar competência do Obina. Mas a torcida não quer nem saber disso.

O Imperador deve estrear contra o Fraquinho Paranaense no fim de semana. Vamos!

Juan foi punido por 30 dias pela pagação geral no Maicosuel na final do Carioca. E a pisada do Ronaldo no jogador do sei-lá-quem nas finais do Paulista? E o puxão de cabelo no jogador do Galo Paranaense? E o Diego Souza na semifinal do Paulista?

Flamengo até morrer!

E vai-se dunga…

Anotem: hoje é o último jogo do Dunga como técnico da Selecinha. O cara já tá falando em tom de despedida, e o Muricy Ramalho vai ser anunciado ainda este ano…