Tag Archives: Grêmio

cornetada vitoriana 240: Tempos sombrios

imagem.phpNem vou perder meu tempo falando do novo dissabor proporcionado pelo Mais Querido em terras norte-uruguaias. São 23 anos sem vitória sobre a segunda força do melhor estado brasileiro ao sul de Santa Catarina e, antes disso, somente o triunfo da final do bi brasileiro em 1982 como alegria. Donde se conclui que somos mesmo fregueses e não temos que passar recibo por isso. Mas não posso deixar de fazer uma menção incrivelmente desonrosa ao Pará e ao Vaz: 3 gols nas costas do primeiro, falha ridícula em um dos gols tricolores do segundo. Não gostaria de ser Rubro-Negro em Porto Alegre.

Prefiro, no entretanto, mandar uma letra sobre aquilo que temia e que, parece, está acontecendo: os frutos da má escolha de um técnico estrangeiro para dirigir o Flamengo nas circunstâncias em que essa decisão foi tomada paracem estar sendo colhidos. Mr. Rueda pode ser ótimo treinador, não tenho dúvidas disso. Mas é muita variável envolvida para que ele desse certo em tão pouco tempo em um clube como o Fla. Além das óbvias cultura, língua e costumes, entender como funcionam as coisas na Gávea e no futebol brasileiro, os indolentes jogadores ou a cabeça de torcedores e dirigentes é tarefa hercúlea. Toma tempo e, penso, não tínhamos pra tanto. Acho que isso explica um pouco porque estamos aquém do que deveríamos em termos de conquistas e colocação no Brasileiro.

Não sei ao certo se é de todo ruim um ano em que se tem como resultados apenas 13 derrotas e maior artilharia na temporada, uma final do segundo maior torneio nacional – não conquistada nos pênaltis e sem derrota!, a semi de um sul-americano, um estadual conquistado e com possibilidade de classificação para a Libertadores 2018. É certo que esse pacote todo seria incrível para qualquer outro time, mas percebe-se que no Flamengo isso beira – ou é – fracasso total. Essa imprensa golpista.

De toda sorte, penso que isso não apaga a péssima escolha de algumas cabeças para formar o atual plantel e, principalmente, a má administração do cast flamengo. Nossos molambinhos carecem de uma bronca geral, porque ser Flamengo é ser cascudo. Negócio de achar que está tudo bem perder hoje porque sempre se pode recuperar no próximo jogo é atitude de quem tem sangue de barata, e me parece que é isto o que está rolando nas terras do Ninho. Todo jogo é como o de quarta passada. Não como o de domingo.

Isso tudo, aliado à suspensão do Guerrero, departamento médico lotado, convocação pra Selecinha e fase de alguns perebões, me fazem pensar se a Libertadores 2019 está mais próxima que a 2018.

Grêmio (4º) 3X1 Flamengo (7º), Brasileirão 2017, Rodada 32.

Flamengo até morrer!

Anúncios

cornetada vitoriana 212: Fica rico, fica pobre

auto da compadecida chicó joão grilo

Agonia!

Mais um jogo em que rola o que falo sempre desse Flamengo de meu Deus: se, entre o primeiro e o último minuto de jogo há um erro individual bizarro, tomamos um gol que nos causa uma derrota. Contra retrancas fica tudo mais difícil. Se anulam nossas principais jogadas, como subida de laterais, nada acontece.

Não vamos nos vitimar, até porque não há razão pra isso. E devemos lembrar que o jogo foi contra o Grêmio, time que temos uma dificuldade gigante em bater. Em compensação, a facilidade de perder pros caras é gigante. Faz parte. Parabéns, vieram fechadinhos, pacientes, competentes.

12 pontos pra liderança é osso de tirar. O Corinthians teima em não perder pontos, nem jogadores. A ver…

Domingo tem o Cruzeiro, no Mineirão. Digo que basta não errar. E colocar uma pra dentro.

Flamengo 0X1 Grêmio, Brasileirão 2017, Rodada 13. 4ª colocação.

Flamengo até morrer!

Scout 2013: jogo 63

Grêmio 2X1 Flamengo
Porto Alegre, 17/11/13
Brasileirão 2013 – 35ª rodada
Gol: João Paulo, 40′, 2T.
No ano: 31V, 16E, 16D; 109 pontos; 57,6%; 90 gols pró, 65 gols contra
Hernane – 33
Elias – 9
Renato Abreu – 7
Marcelo Moreno – 4
Nixon – 4
Paulinho – 4
André Santos – 3
Cleber Santana – 3
Gabriel – 3
João Paulo – 3
Léo Moura – 3
Rafinha – 3
Chicão – 2
Wallace – 2
Cáceres – 1
Carlos Eduardo – 1
Gum (Fluminense) – 1
Ibson – 1
Luiz Antônio – 1
Roberto Dias (Campinense) – 1
Rodolfo – 1

Brasileirão 2013: Grêmio X Flamengo – 17/11/13

Fla X GremioTodo Rubro-Negro puro de origem nem liga pra jogo contra o Grêmio, pois sabe a tunda que o espera. Mas todo Rubro-Negro puríssimo de origem torce muito mesmo assim. E mesmo com o time B. Que deve ser o suficiente pra nos representar lá no Uruguai do Norte. Vamos, Flamengo! 1 a 0.

Flamengo até morrer!

Scout 2013: jogo 39

Flamengo 0X1 Grêmio
24/8/13
Brasileirão 2013 – 16ª rodada
Gol:
No ano: 20V, 10E, 9D; 70 pontos; 59,8%; 58 gols pró, 38 gols contra
Hernane – 18
Renato Abreu – 7
Elias – 6
Marcelo Moreno – 4
Nixon – 4
Cleber Santana – 3
Gabriel – 3
Rafinha – 3
João Paulo – 2
Paulinho – 2
Cáceres – 1
Carlos Eduardo – 1
Chicão – 1
Ibson – 1
Roberto Dias (Campinense) – 1
Rodolfo – 1

Brasileirão 2013: Flamengo X Grêmio – 24/8/13

Fla X GremioJogo duro, difícil. Mas temos que estar preparados para a primeira derrota em Brasília nesse campeonato… Do Grêmio, naturalmente. Flamengo 1 a 0.

Flamengo até morrer!

Scout 2012: jogo 49

Flamengo 1X1 Grêmio
16/9/12
Brasileirão 2012
Gol: Adryan, 16′, 2T.
No ano: 21V, 12E, 16D; 51,0%; 67 gols pró, 57 gols contra
Vagner Love – 21
Ronaldinho Gaúcho – 7
Deivid – 6
Renato Abreu – 5
Kleberson – 4
Léo Moura – 4
Luiz Antônio – 4
Bottinelli – 3
Adryan – 2
Hernane – 2
Jael – 2
Adryan – 1
Airton – 1
David Braz – 1
Camacho – 1
Ibson – 1
Negueba – 1
Ramon – 1
Thiago Medeiros (Madureira) – 1
Whelinton – 1

Brasileirão 2012: Flamengo X Grêmio – 16/9/12

Na torcida, sem muito mimimi. Flamengo 2 a 1.

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 175: Saudades do Profexor!

Tá feia a coisa, hein, Papai?

É de conhecimento geral que sempre achei o jogo contra o Grêmio no chiqueirão olímpico o mais carne de pescoço de todos os 38 do campeonato brasileiro de futebol de pontos corridos. É jogo pra mandar os afastados e a garotada da base, ao menos pra dar uma desculpa do porquê do toco. A gente não consegue ganhar desses buxas na capital norte-uruguaia nem quando eles são a carne assada que pareceram ser ontem. Sim, porque não golear o Flamengo atual entrando com franco favoritismo, e só conseguir marcar por causa de 2 falhas da nossa manca zaga, não é coisa de time de machão.

O time do Flamengo tem exatamente a cara da diretoria atual. Aquilo não é Flamengo, não tem alma, não tem estilo, não tem futebol. É o mesmo que nada. No entanto, consegue perder somente por 2 gols de um time que está no G4, prova maior de que nem tudo é tão ruim que não possa piorar. Estou falando da vergonha suprema de não se criar contra esse bando de candidatos à Segundona que são ao menos uns 15 dos demais competidores. Acho que vai ser a primeira vez na história que nego vai brigar pra cair, e não pra se manter na elite.

Olha, o Papai Joel é um cara bacana, engraçado, frasista e já nos encheu de orgulho, num passado não muito distante. Mas não consegue mais segurar a onda. Não consegue treinar o time e não sabe escalá-lo, nem motivá-lo. Ainda conseguiu dizer que o time vai chegar. Se vai, pelo que eu torço com todas as forças do universo, não deve ser com ele no comando, né? Tá mais do que na hora de sair. Só Deus sabe por quem vai ser substituído, e isso dá um medo ainda maior que sua manutenção. O consolo é que, nessa toada, previsível, apalermado e sem coração como temos nos apresentado, na terceira derrota seguida ele cai. E isso está me parecendo mais próximo a cada jogo, coisa de primeira metade do turno. Meu medo é não dar pra chegar mais na ponta de cima da tabela.

Quanto ao jogo de ontem, um pequeno arrazoado: Negueba não dá. Magal não dá. Renato Canelada não dá. Marlon talvez dê. Matheus Bebeto, não sei não. Love parece ter sido contaminado pela mediocridade reinante, o mesmo podendo ser dito sobre o palestino Ibson. Nosso xerife Gonzalez herdou do Welington a perebice e vive falhando. E o Paulo Victor é o único que vem honrando as vestes. O que é estranho, porque ele é o único que não ostenta a vestimenta futebolística mais linda do mundo.

Passadas as 6 rodadas prometidas pelo nosso inócuo e ultrapassado professor, fica uma pergunta tão sem resposta quanto com resposta: como seria esse time se o Profexor ainda estivesse lá? Vale lembrar que sua saída foi mais uma manobra imbecil dessa presidente e de seus asseclas igualmente fracos. O cara saiu por problema de relacionamento com a estrela da companhia e hoje estamos aí, sem os dois. Menos mal, já que não vejo ninguém sentindo falta do Manezinho Gaúcho, que parece ter virado craque no mais do que nunca Patético Mineiro. Aliás, alguém saberia me dizer porque o número do cara é 49? Porque na galinha mineira ele é 100 (cachaça 51 + R49 = 100)? Só rindo dessa rafameia mal-vestida mesmo…

Bem, temos o lanterna em casa pela frente, time que o FluminenC meteu (ui!) 4 ontem, lá no Serra Vazia. Se não ganhar, Joel cai. E agora, torço pra quem?

Flamengo até morrer!

Scout 2012: jogo 31

Grêmio 2X0 Flamengo
24/6/12
Brasileirão 2012
Gol:
No ano: 16V, 8E, 7D; 60,2%; 53 gols pró, 32 gols contra
Vagner Love – 15
Ronaldinho Gaúcho – 7
Deivid – 6
Kleberson – 4
Léo Moura – 4
Luiz Antônio – 4
Bottinelli – 3
Jael – 2
Renato Abreu – 2
Adryan – 1
Airton – 1
David Braz – 1
Camacho – 1
Hernane – 1
Negueba – 1
Thiago Medeiros (Madureira) – 1
Whelinton – 1