Tag Archives: Libertadores 2010

Cornetada Vitoriana nº 101: Não deu

Mas também o mundo não vai acabar. Caímos em pé, lutamos até o fim, nadamos e morremos na praia. Toda sorte de eufemismos e lugares comuns do mundo não vai explicar a eliminação e nem consolar a Magnética. Mas dá a entender o que foi nossa participação na Libertadores 2010. O Flamengo foi Flamengo e saiu antes do que impõe sua tradição da competição continental. Foi Flamengo no semi-maracanaço da semana passada, ocasião na qual só entrou em campo depois de 25 minutos de jogo corrido. E foi Flamengo anteontem, no jogo em Santiago, quando arrebentamos e deixamos o campo com a sensação de que a vaga nas semi contra o time com nome de whisky da terra tequila era muito possível. Calamos a boca dos babacas da imprensa chilena e do fanfarrão do técnico do bom Universidad ao mostrar que o verdadeiro Império é aquele que jogou quinta-feira. Mas demos adeus à Liberta mais fácil de todos os tempos.

O tal do Montillo, o meia que fez o golaço que nos eliminou, foi oferecido ao Flamengo. Eu já sabia.

O departamento de futebol do Fla será definido esta semana. Os nomes, segundo a imprensa, parecem ser os mesmos de sempre. O resto do ano parece ser duro pra gente…

Sheik pode voltar. O Império do Amor parece estar-se desfazendo. Washington, do SP, aparece como plano B. Enquanto isso, seguimos sem um meia decente que jogue o jogo todo, e com a zaga manca. Flamengo, Flamengo…

Hoje começam as finais do NBB, com o Mengão por alí pelo 3º ano seguido. Desta vez, acho, não somos favoritos. E basquete não é futebol.

Flamengo até morrer!

Anúncios

Scout: ano 2010 – jogo 30

Universidad de Chile 1X2 Flamengo
20/5/10
Copa Libertadores de América – Quartas de final
Gols: Vagner Love, 45′, 1T; Adriano, 32′, 2T.
No ano: 19V, 5E, 6D; 68,8%; 65 gols pró, 40 gols contra
Vagner Love – 20
Adriano – 14
Bruno Mezenga – 4
Vinícius Pacheco – 4
Fernando – 3
Kleberson – 3
Léo Moura – 3
Dênis Marques – 2
Michael – 2
Rodrigo Alvin – 2
Ronaldo Angelim – 2
David – 1
Fierro – 1
Juan – 1
Petkovic – 1
Wallace (Friburguense) – 1

Libertadores 2010: Universidad de Chile X Flamengo – 20/5/10

Vai ser o jogo mais difícil do Flamengo no ano. E em anos. Maior perrengue, como sempre tem que ser quando o Flamengo quer ganhar alguma coisa. E nós queremos a Liberta. Eliminar o Chorinthians é muito pouco para ser o nosso maior feito na América. 4 a 3 pra gente tá valendo. Mas 3 a 2, e vitória nos pênaltis seria épico.

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 99: Curtinhas

Com um tempo inteiro com um jogador a mais, como se diz nas transmissões óbvias de TV, não conseguimos transformar em gols a superioridade numérica.

O time continua sem jogada e o esquema tático, além de ter sido mantido, é muito previsível, até por times gringos como o de ontem.

Não que haja um culpado para o que houve ontem, mas o David tem que se criar. To quase usando a frase “David não dá mais”.

O mesmo pode ser dito sobre a presidente.

Depois da entrada do Denis Marques a lua de mel de 3 jogos com o Rogério acabou. Eu nunca vi a torcida do Flamengo gritar contra um jogador que nem havia entrado ainda.

O negócio tava tão samba do crioulo doido que o Léo Moura abdicou da lateral direita e virou meia.

A mística da raça Rubro-Negra deveria entrar em campo na defesa como entra no ataque.

Apesar de toda a vontade demonstrada ontem, o Adriano confirmou àqueles que ainda reclamam de sua não convocação porque ele não foi convocado.

O Juan Marrentinho jogou muito bem ontem e foi premiado com o gol da classificação.

Lembrem-se que 2 a 0 pro Corinthians, no primeiro tempo do jogo de volta das oitavas, classificava o Corinthians.

Flamengo até morrer!

Scout: ano 2010 – jogo 28

Flamengo 2X3 Universidad de Chile
12/5/10
Copa Libertadores de América – Quartas de final
Gol: Adriano, 38`, 1T; Juan, 44`, 2T.
No ano: 18V, 4E, 6D; 69%; 62 gols pró, 38 gols contra
Vagner Love – 18
Adriano – 13
Bruno Mezenga – 4
Vinícius Pacheco – 4
Fernando – 3
Kleberson – 3
Léo Moura – 3
Dênis Marques – 2
Michael – 2
Rodrigo Alvin – 2
Ronaldo Angelim – 2
David – 1
Fierro – 1
Juan – 1
Petkovic – 1
Wallace (Friburguense) – 1

Libertadores 2010: Flamengo X Universidad de Chile – 12/5/10

Não se trata de vingança, mas o Mengão Doutrinador Passa Rodo Geral não pode jogar duas vezes com um time sem dar-lhe ao menos uma tunda. O Universidad de Chile é o único time com quem jogamos nesta Liberta e não ganhamos. 3 a 0 seria show.

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 97: Libertadores, a gente se vê por aqui

Alguém tinha dúvida da superioridade que o Flamengo mostraria nesses confrontos contra os Gambá de Itaquera pela Liberta? Ah, faça-me o favor, os caras não fizeram nada pra se criarem em cima da gente, e ainda temos que ouvir que mereceram a classificação. Merecemos nós, que a conquistamos na raça, na bola, na luta, com juizinho cucaracha pra encher o saco e tudo. Tiveram uma chance de ouro no Rio, com a ajuda de São Pedro. E nem assim conseguiram tirar o brilhantismo e o favoritismo da nossa conquista. Libertadores é pra quem tem camisa, pra quem tem fama internacional, pra quem tem torcida no mundo todo. Vão continuar na fila, e não vão conquistar a América nunca…

Amanhã começa o Brasileirão 2010. Vamos defender o título. Vamos!

Flamengo até morrer!

Scout: ano 2010 – jogo 26

Corinthians 2X1 Flamengo
5/5/10
Copa Libertadores de América – Oitavas de final
Gol: Vagner Love, 4`, 2T.
No ano: 18V, 3E, 5D; 73%; 59 gols pró, 34 gols contra
Vagner Love – 18
Adriano – 12
Bruno Mezenga – 4
Vinícius Pacheco – 4
Fernando – 3
Kleberson – 3
Léo Moura – 3
Michael – 2
Rodrigo Alvin – 2
Ronaldo Angelim – 2
David – 1
Dênis Marques – 1
Fierro – 1
Petkovic – 1
Wallace (Friburguense) – 1

Libertadores 2010: Corinthians X Flamengo – 5/5/10

Tenso, muito tenso. Tenso pro Corinthians, porque tem a responsabilidade da vitória, já que o empate é nosso. Porque é o ano do Centenário gambá. Porque jogam em casa. Porque nunca ganharam nenhum título internacional. E porque jogam contra o Fla, eterno rival e carrasco. Pra gente, é só um jogo que vale o 1º semestre. Dá Mengão, 2 a 1. Pode ser pro Corinthians também, tem problema não.

Flamengo até morrer!

Cornetada Vitoriana nº 96: Que jogo!

Maluco, São Pedro deve ser amigaço de São Jorge. Caraca, quanta água caiu no Maraca na quarta-feira! Ainda bem que a drenagem é show. Se fosse em Porto Alegre, por exemplo, o quadro seria pior. E olha que, mesmo assim, no primeiro tempo, dava pra jogar polo aquático. E, infelizmente, isso tudo atrapalhou o jogo. Não acho que tenha nos prejudicado. Como se diz, a condição ruim do relvado prejudica aos dois times. Mas é certo que temos jogadores que carregam mais a bola que o Corinthians, tais como Juan, Léo Moura, Vagner Love e Michael. Falando nele, o cara conseguiu ser responsável pela nossa vitória ao ter sido expulso de campo. Não estava jogando nada, e a situação fez com que os outros 10 molambos se desdobrassem em campo. Era pra ser de mais, mas 1 a 0 é o suficiente, já que a classificação será conquistada no resultado do jogo no Pacaembu.

O time já mostrou outra cara anteontem. Talvez a necessidade, talvez o novo comando, não sei ao certo. Mas já estava melhor. Quanto ao Rogério, bom saber que ele treino tática na véspera, tradicional dia de pelada e rachão.

Que palhaçada o Corinthians tá querendo aprontar pra cima do Fuderosão? Os caras perderam na bola e na água, e já estão achando desculpinha pra uma possível eliminação da Liberta. Será que eles acham mesmo que irão somente 700 Rubro-Negros no jogo da volta? Sei…

Flamengo até morrer!